20 de maio de 2010

Parte 34 - Primeira vitória nos tribunais.

Ano passado em uma de minhas postagens, comentei a respeito de uma conduta, nada agradável por parte de um "certo alguém", que foi meu chefe em outro ecritório que trabalhei.

Transcrevo aqui, parte da minha petição, para que vocês possam ter uma idéia.

" “A agressividade era tamanha que frases como “olha ai o Nhonho” (personagem obeso do seriado Chaves), “gordo faça isso”, “gordinho faça aquilo”, “vou pagar um spa para você gordinho” eram proferidas na presença dos colegas de trabalho e dos clientes em visita ao escritório de advocacia. Jamais o reclamante ouviu do superior hierárquico o seu próprio nome, pois “gordo”, “obeso”, ou mesmo outros apelidos que enfatizavam a sua condição de obeso eram utilizados quando o sócio majoritário solicitava a sua presença ou determinava a realização de serviços”.

Esta semana saiu a sentença em primeiro grau:

Julgo procedente o pedido, para indenizar o autor em XXX salários mínimos por danos morais.

Pois é, não importa o valor, importa que é uma vitória contra o preconceito, uma vitória para os obesos e ex-obesos, pois as pessoas merecem respeito acima de tudo. Provavelmente a outra parte recorrerá, mas até o momento, estou ganhando esta batalha.
Saudações.

Um comentário:

  1. PARABÉNS!
    TOMARA QUE ESSE "CHEFE" APRENDA ALGUMA COISA COM ISSO!
    SE NÃO APRENDER AGORA, VAI APRENDER NO FUTURO, QUANDO FOR UM VELHO OBESO (NÃO SOU MÁ! KKKKK!).

    BEIJOS!

    ResponderExcluir